11 de outubro de 2011

Guerra Fria (7ª Parte)

 Da política de Détente ao fim da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, percebia-se que a Guerra Fria, cedo ou tarde, iria acabar.

O fim da Guerra Fria (1945 a 1991)

Política de Détente

• Projeto de desarmamento nuclear, iniciado em 1973, entre os Estados Unidos e a União Soviética.

1979

• União Soviética invade o Afeganistão, com o objetivo de implantar um governo de tendência socialista. Após isso, os Estados Unidos apoiaram os guerrilheiros islâmicos, opositores do governo afegão.

1980

• Os Estados Unidos e outros países capitalistas boicotam os Jogos Olímpicos de Moscou.

1984

• A União Soviética e outros países socialistas boicotam as Olimpíadas de Los Angeles.

- Evidência da intolerância de ambos os lados.

1987

• Assinado acordo para eliminação de mísseis de médio alcance na Ásia e na Europa.

Final da década de 80

• Mikhail Gorbatchev, líder soviético, propôs a abertura política (Glasnost), e a abertura econômica (Perestroika), da URSS. Estava por vir o fim da União Soviética.

1988

• União Soviética retira suas tropas no conflito do Afeganistão.

1989

• Derrubada do Muro de Berlim, permitindo a livre transição dos berlinenses pela cidade.

1990

• Desestruturação do bloco socialista na Europa Oriental.

1991

• Fim da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), dando origem ao novo estado, titulado a partir dessa data, como Rússia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário